Uma campanha em Vitória da Conquista, no interior da Bahia, tenta fazer com que a população não compre madeira ilegal para evitar o incentivo a destruição de árvores nativas da Mata Atlântica para a fabricação de fogueiras. A saíde é comprar madeira de árvores que podem ser replantadas com facilidade como o eucalipto e a grevilha.

De acordo com o coordenador do Centro de Recursos Ambientais de Vitória da Conquista, José Carlos Barreiro, todos os anos uma campanha é realizada com o objetivo de reduzir o uso de madeira nativa nas fogueiras. “A ideia é manter a tradição, mas de forma sustentável”, disse Barreiro.

Para vender fogueiras é preciso ter autorização de transporte da madeira e a nota fiscal da compra. Quem compra também precisa também deve pesquisar a procedência da madeira utilizada na fogueira escolhida. Correio*