Repórter Diego Gomes
Às 08:45

Após três anos de espera, a população de Encruzilhada vai assitir ao julgamento de Marcos Freitas dos Santos, Ronaldo Santos Silva, Rozimar de Jesus Santos e Alzenália Fernandes Viana acusados da morte de Levi Nunes Viana, em outubro de 2006.

Segundo consta nos autos do processo a esposa da vítima, Alzenália e Rozimar possuíam um relacionamento amoroso. Após Levi ter a prisão relaxada e ser solto, ambos encomendaram o assassinato a Marcos e Ronaldo por R$ 1 mil.

Alzenália marcou um encontro do Levi, que tinha intensão de ver os filhos, mas acabou morto em outubro de 2006, após a emboscada.

O júri, marcado para ocorrer no dia 23 de setembro, Às 9h, na Comarca de Encruzilhada, será presidido pela juíza Adida Alves dos Santos, com Márcio de Oliveira Neves representando o Ministério Público. Já Diogo Andrade Santana, Eduardo Oliveira Batista e Leandro Almeida de Oliveira vão atuar na defesa dos acusados.