outubro 2009
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


“O governo Wagner está falido”, afirma deputado Arthur Maia

arthurmaiaO deputado estadual Arthur Maia(PMDB) concedeu uma entrevista, por telefone, ao Tribuna da Conquista. O parlamentar criticou o governo Wagner, ressaltou a importância da filiação de Herzem Gusmão a legenda e também falou das articulações de seu partido para a candidatura do ministro Geddel Vieira Lima ao governo da Bahia. Leia a seguir a entrevista.

TRIBUNA DA CONQUISTA- Deputado, o presidente da Assembléia Legislativa (ALBA) retirou a PEC da aposentadoria para ex-governadores. Como o senhor observou essa proposta?

ARTHUR MAIA – Foi uma infelicidade tamanha do presidente. De modo que agiu junto com Wagner, e não poderíamos aceitar essa proposta. Existe a Presidência Social que a população já contribui e outros contribuem ainda para uma previdência privada. Desse modo não fazia sentido uma Proposta de Emenda a Constituição que, em apenas dois anos de exercício do cargo de governador alguém pudesse receber aposentadoria como governador.

TRIBUNA DA CONQUISTA – Existe um projeto do senhor na ALBA, que propõe monitorar os presidiários na Bahia. Como está tramitando essa matéria?

ARTHUR MAIA – Ainda está tramitando na Assembléia, mas a expectativa é que nos próximos meses seja votado no plenário. Pois, não pode acontecer como aconteceu em Salvador quando uma mãe foi assassinada por uma pessoa que deveria estar presa. Ajudará e muito a Segurança das pessoas que moram em nosso estado.

TRIBUNA DA CONQUISTA – O senhor esteve em Vitória da Conquista e conversou com Herzem Gusmão. Logo em seguida ele ingressou no PMDB. O que representa essa filiação?

ARTHUR MAIA – O Herzem Gusmão tem uma representatividade enorme em Vitória da Conquista. Possui ainda todas as possibilidades de ser eleito para a Câmara dos Deputados e poderá vir ser prefeito dessa cidade. Mas o fato é que Vitória da Conquista nunca ficou sem um representante na Câmara e isso tem que pudar na próxima legislatura.

TRIBUNA DA CONQUISTA – Como o senhor avalia o governo Jaques Wagner?

ARTHUR MAIA – O governo Wagner está falido. Não existe nenhuma grande obra do governo Jaques Wagner. Para se ter uma idéia, até o momento não foram iniciados a obra de recuperação das rodovias que ligam Vitória da Conquista a Brumado e também a Itambé. Já têm praticamente 90 dias que o governador esteve em Conquista para assinar a ordem de serviço, que era para começar no outro dia e nada de obra até o momento.

É um governo incompetente. Qual a ação que o governo Wagner participa com a prefeitura de Conquista? Nenuma. E na região sudoeste? Barra do Choça, Itambé, Cândido Sales e Tremedal? Não existe nada do governo Wagner. A Bahia está perdendo quatro anos que jamais serao recuperados.

O conselheiro Otto Alencar tem dito que não será candidato. O secretário de infra-estrutura João Leão também afirmou que não tem compromissos com o que está no governo.

Wagner loteou os cargos da maneira que quis. O deputado do PT, Paulo Rangel fez recentemente duras acusações a Bahia Pesca, que é comandada por aliados. Wagner decidiu fazer política com os novos aliados e muita gente de seu partido também está reclamando.

TRIBUNA DA CONQUISTA – Como está as articulações do PMDB com outros partidos?

ARTHUR MAIA – Primeiro, as pessoas e grupos que não foram para o governo não vão mais. De modo que o PTB e o PSC, além de outros partidos menores já estão conosco. O PR, comandado pelo Senador César Borges também poderá compor a nossa aliança e PMDB e DEM ainda poderão ficar juntos. Assim o nosso partido que já tem grande tempo de televisão, poderá aumentar ainda mais o espaço e também a coligação.

TRIBUNA DA CONQUISTA – Em relação ao ministro Geddel Vieira Lima. Já existe data para se afastar do ministério?

ARTHUR MAIA – O ministro Geddel só sairá quando o presidente quiser ou na data limite. Não há previsão ainda para esse fato. Entretanto, o PMDB baiano terá todas as possibilidades e com plenas condições de indicar um novo nome para o ministério da Integração Nacional quando Geddel se afastar.

TRIBUNA DA CONQUISTA – Em 2010 o senhor será candidato a reeleição ou tentará voos mais altos?

ARTHUR MAIA – Seremos candidatos a deputado federal. É importante levar às nossas discursões para o Congresso Nacional, para o centro do poder, para Brasília. Vamos levar e discutir os problemas da nossa região na Câmara dos Deputados.

1 resposta para ““O governo Wagner está falido”, afirma deputado Arthur Maia”

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia