Policiais Civis fazem uma mobilização, nesta quinta-feira (28), em todo o estado. Com a superlotação nas cadeias das delegacias, eles decidiram que a partir de agora os presos em flagrante serão encaminhados aos presídios.

As delegacias de toda a Bahia têm capacidade para abrigar cerca de mil presos, mas hoje, têm 6.500. São presos que, de acordo com a lei, deveriam permanecer no máximo dez dias nas cadeias.

A superlotação foi um dos problemas apontados pelos Policiais Civis em reunião na última quarta (27), com o Secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Nelson Pellegrino. Além da decisão de levar os presos em flagrante aos presídios, os policiais informaram ainda que vão suspender outros serviços.
iBahia