A polícia civil baiana para suas atividades nesta sexta-feira (23), aderindo à Paralisação Nacional dos Policiais Civil no Brasil. Durante a paralisação, só funcionam os serviços de flagrantes e remoção de corpos de vítimas de morte violenta, segundo o Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc).

A reinvidicação da categoria é a aprovação do Projeto de Emenda Constitucional – PEC 446/300-2009, que tramita na Câmara Federal e tenta estabelecer um piso salaria padrão para policiais civis, militares e bombeiros. A paralisação começa às 8h da manhã.
Correio*