O norte-americano Mark Malkoff, que mora em Nova York, encontrou uma forma peculiar de combater seu vício em internet: decidiu viver no banheiro de casa durante cinco dias, sem levar seu notebook ou iPhone.

Malkoff, que, em seu blog, se define como “comediante, escritor e cineasta”, listou como vícios o Twitter, o Facebook e o YouTube.

Ele afirma que já tentou parar de usar a internet em sua rotina, mas nunca conseguiu passar mais que algumas horas sem a rede.


Para facilitar sua estadia, o norte-americano criou uma lista de tarefas para serem cumpridas durante o período no banheiro, que inclui escrever 99 razões pelas quais ele ama sua mulher, memorizar os presidentes dos EUA e a localização de todos os países no mundo.

Segundo anunciou no Twitter, Malkoff teve sucesso em sua empreitada: ele entrou no banheiro no dia 23 de agosto e só saiu no último sábado, 28, deixando a mulher, Christine, encarregada de cuidar de seu perfil no microblog.

Ela publicou notícias e fotografias do marido durante esse período.

Malkoff promete, no blog, um vídeo sobre a experiência, a ser divulgado no dia 8 de setembro.
Folha