Derrotado no primeiro turno nas eleições presidenciais, Plínio de Arruda Sampaio (PSOL) anulou seu voto na manhã deste domingo. Plínio votou no Colégio Santa Cruz, mesmo local onde vota o candidato José Serra (PSDB).

O socialista, que teve menos de 1 milhão de votos no primeiro turno, digitou 50, o número do PSOL, na urna. “Sou contra o regime, não sou contra nenhum dos candidatos aí”, disse Plínio.

Segundo ele, independentemente do vitorioso nas urnas neste domingo, o próximo governo será um “desastre”. “Tem diferenças entre os dois, mas as diferenças não são benéficas para o povo. Os dois são ruins”, afirmou. Segundo Plínio, Serra “reprime mais” e Dilma “representa um sistema que coopta”.
Folha