Uma operação no sul da Bahia prendeu quatro pessoas e desarticulou uma quadrilha comandada por um traficante detido no Conjunto Penal de Teixeira de Freitas. Mesmo preso, Gerry Adriani de Jesus Rocha comandava o tráfico de drogas e armas na região, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A última etapa da Operação Vértice foi nesta quinta (25), com o cumprimento de quatro mandados de prisão em Porto Seguro e região. Foram detido por policiais da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia (Coorpin/Eunápolis) Jeferson Canguçu Santos, 19, Israel Dias Gonçalves, 27, Michael Antônio da Silva, 18, e Joadson Pachebo Brito, envolvidos em homicídios e tráfico. Os mandados eram para preventiva do presidiário Gerry Adriani, Darles da Rocha da Silva, Edmarie Rocha Cruz e Érica Alves de Souza.

Da cadeia, Gerry mantinha contato com fornecedores de drogas e armas de São Paulo, com pagamentos sendo feitos através de depósitos bancários. Para ocultar a movimentação, ele utilizava contas de “laranjas”. Um dos depósitos rastreados era de um montante de R$ 80 mil. A Justiça determinou o cumprimento provisório da pena no Regime Disciplinar Diferenciado para tentar evitar que ele continue no crime mesmo da cadeia.

Apreensões
Na casa de uma das presas, Érica Alves de Souza, foram apreendidos comprovantes de depósitos bancários na conta de um dos intengrantes do bando em São Paulo. Também foi encontrada uma caderneta com informações sobre vendas de drogas e clientes. Drogas foram repassadas para traficantes de Itamaraju, Alcobaça, Prado e Teixeira de Freitas, todas no extremo sul da Bahia.

Com Jeferson Santos, a polícia apreendeu um revólver calibre 38, sem numeração. Também foram presos o assaltante Israel Gonçalves, fugitivo da Delegacia Eunápolis, e Michel da Silva, acusado de matar um homem na última terça-feira. Joadson Brito também foi detido com arma e drogas.
Correio*