Por Diêgo Gomes

“Eu pedi uma casa e Deus me deu uma mansão”. Assim definiu Maria do Carmo, uma das responsáveis e fundadoras da Casa do Câncer de Vitória da Conquista, na solenidade de inauguração da nova sede da instituição ocorrida na última sexta-feira.

O evento foi muito prestigiado pela população e também por empresários, médicos, políticos e representantes das Igrejas Católica, Evangélica e da Sociedade Espírita da cidade.

O prefeito Guilherme Menezes (PT) esteve no local antes da inauguração e informou que não ficaria porque tinha outros compromissos previamente agendados. Já o vereador Álvaro Pithon (DEM), a pedido do presidente da Câmara, representou o Legislativo Municipal. O deputado estadual eleito José Raimundo Fontes (PT), o ex-deputado Clovis Flores também estiveram no local.

Estrutura – Segundo Maria do Carmo “a casa tem estrutura para suportar uma média de 100 pessoas confortavelmente”. A nova Casa do Câncer possui 36 camas na ala masculina e outras 36 na ala feminina, quatro leitos de isolamento, capela para oração, salas para atendimento médico, e refeitório. Os pacientes acolhidos pela Casa do Câncer estão se transferindo para o novo local neste domingo.