Um avião fretado pelo ministério das Relações Exteriores pousou na manhã desta quarta-feira a Paris com 113 crianças haitianas adotadas por famílias francesas.

O avião procedente de Porto Príncipe também transporta 105 parentes e médicos.

Um dispositivo médico e administrativo foi mobilizado no aeroporto Charles de Gaulle para examinar as crianças, em particular pela epidemia de cólera que matou mais de 2.500 pessoas desde o fim de outubro no Haiti.

Um segundo voo acontecerá nos próximos dias, já que no total 300 crianças haitianas serão adotadas por famílias francesas.

Depois do terremoto de 12 de janeiro que devastou este pequeno país do Caribe, com um balanço de 250.000 mortos, vários países, como França, Estados Unidos e Espanha, decidiram acelerar os procedimentos de adoção de crianças haitianas.
AFP