São Paulo – O vice-presidente da República, José Alencar, passou a noite de Natal com a família na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. De acordo com o último boletim médico, divulgado no início da tarde de hoje (25), o estado de saúde dele é estável, com sinais de melhora. Nas últimas 20 horas, não houve sangramento intestinal. Ele está consciente, recebendo transfusões e se submetendo a hemodiálise (filtragem do sangue).

Ontem à noite, Alencar recebeu um telefonema do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que desejou a ele feliz Natal. O médico Kalil Filho, do Sírio-Libanês, falou sobre a possibilidade de o vice-presidente ser liberado para participar da posse da presidenta Dilma Rousseff, no próximo sábado (1º). E foi foi cauteloso. Disse que, durante a próxima semana, o estado de saúde dele será avaliado. “Na sexta-feira (31) é que poderemos planejar esta ida [de Alencar a Brasília]. Está descartado o uso de um avião UTI. O que conversamos, é que esperamos que ele esteja estável para poder pegar um avião tranquilo, assistir à posse e voltar para São Paulo. Hoje não teria essa condição”.

Kalil disse que ainda há risco de novos sangramentos. Alencar luta há 13 anos contra um câncer no intestino delgado e já se submeteu a 17 cirurgias.
AgênciaBrasil