Um homem de 25 anos foi preso em flagrante nesta terça-feira (25) em Jequié, município localizado a 358 km de Salvador, ao tentar se matricular no curso de medicina da Universidade Estadual do Sudoeste.

Segundo informações da TV Sudoeste, William da Silva foi detido porque alegou no sistema de cotas que tinha deficiência auditiva e portava um laudo médico falso. O rapaz já tinha sido preso antes por atuar como falso médico em clínicas do interior de São Paulo e também de Minas Gerais. Ele está preso na delegacia de Jequié.
Correio*