O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), durante discurso nesta quinta-feira na Vila Cruzeiro, afirmou que até o final de semana deverá ocorrer a ocupação policial nas favelas de Santa Teresa, no centro da cidade.

Na terça-feira (1º), o governo tinha dito que a operação iniciaria até a próxima segunda-feira (7). Já na manhã desta quinta, pediu rapidez na ação.

“Quero, até o final de semana, o complexo de Santa Teresa todo ocupado”, disse Cabral.

O objetivo é instalar em Santa Teresa a 15ª UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) no Rio.

Na manhã de hoje, a polícia montou diversas operações para coibir o deslocamento de traficantes para cidades no entorno da capital do Estado, como Niterói e São Gonçalo. O objetivo principal era prender bandidos do complexo do São Carlos, onde ficam morros na região de Santa Teresa.

OUTROS COMPLEXOS

Nesta quinta-feira, foi lançado um conjunto de obras emergenciais e de serviços municipais nos complexos da Penha e do Alemão, na zona norte do Rio, ocupados pelas forças de segurança do Estado e da União no final do ano passado.

Segundo a prefeitura e o governo estadual, as intervenções fazem parte de um plano de metas regionalizado, voltado para melhoria de indicadores sociais e qualidade de vida das comunidades.
Folha