Apesar de o Vitória da Conquista ter deixado o título escapar, quando poderia perder por dois gols de diferença, mas foi goleado por 6 a 0, o presidente do clube, Ederlane Amorim evitou lamentações.

O mandatário ainda parabenizou o Bahia pelo título do Baianão.

“Não podemos lamentar muito. É pensar na próxima competição. Escapou das mãos assim como em 2008. Faz parte do futebol. Perdemos para uma equipe grande, que era favorita”.

O dirigente ainda garantiu que não deixará o Bode se abater com o vice-campeonato.

“É continuar trabalhando e buscar esse título tão sonhando em outra oportunidade. Conquista hoje está chorando, mas vai passar. Não vamos deixar manchar a história da equipe”.
BocãoNews