OposiçãoO deputado Herzem Gusmão (PMDB) disse nesta quarta-feira (14) que vai votar contra o Projeto de Lei do governo estadual que tramita na Assembleia propondo mudanças, inclusive aumento na tabela de pagamento, no Plano de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos (Planserv).

O parlamentar, que participou de uma sessão conjunta com várias Comissões, disse que o governo estadual resolveu alterar o Planserv depois de implodir a EBDA (Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola), o DERBA (Departamento de Infraestrutura e Transporte da Bahia) acabar com a Cesta do Povo, que está em fase de privatização, e fechar 31 Dires na Bahia.

“O Planserv agrega mais de 500 mil pessoas e o governo, com as mudanças que propõe, quer tornar o plano comercial. É bem verdade que, em muitas cidades, o Planserv não existe, mas a prioridade do governo deve ser outra, ou seja, levar o plano para todos os servidores e não cortar direitos”, disse Herzem Gusmão. De acordo com o deputado, o Planserv serve de contraponto à precariedade do SUS (Sistema Único de Saúde) na Bahia. “O SUS está falido em nosso Estado e o Planserv é fundamental para que haja uma relação de equilíbrio no sistema. Não vamos aceitar que o governo prejudique os servidores e seus familiares com as mudanças”, concluiu Herzem Gusmão.?