Da Redação

escola normal

Os professores das redes municipal e estadual de Vitória da Conquista aderiram à greve nacional da educação, que começou nesta terça-feira (15) e termina na quinta-feira (17).

Dentre as reivindicações, os professores pedem o cumprimento da Lei do Piso e são contra a terceirização e o parcelamento de salários.

Durante os três dias de greve, a categoria realiza atividades discutindo as pautas de reivindicação.