santanderNesta terça-feira (28), o Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região (SEEB/VCR) denunciou ao Ministério Público do Trabalho o descaso com que a agência Santander/Vitória da Conquista vem tratando a saúde dos seus funcionários e clientes.

A notificação acontece após mais dois trabalhadores apresentarem testagem positiva para a Covid-19 e a unidade continuar funcionando normalmente, sem realizar desinfecção e sem afastar os demais bancários. Este já é o quarto caso de contaminação pelo coronavírus na agência do Santander desde o dia 13 deste mês.

Ainda segundo a apuração do SEEB/VCR, mesmo com o teste positivo os bancários foram colocados em home office, não sendo dispensados das atividades.

“O banco não tem realizado procedimentos de desinfecção dos espaços da agência, tem forçado os trabalhadores a se submeterem a exposição e ao risco de contágio, e não tem adotado medidas eficazes para a proteção de bancários e clientes. Os sucessivos casos positivos na agência comprovam o fracasso da instituição quanto à proteção dos funcionários. Tentamos, por diversas vezes, solução por via administrativa, porém sem sucesso. Solicitamos ao MPT intervenção urgente no sentido de garantir o cumprimento das normas de segurança e sanitização do prédio da agência, a fim de preservar a saúde dos que lá trabalham ou utilizam os serviços”, afirma Leonardo Viana, presidente do Sindicato dos Bancários.
ASCOM BANCÁRIOS