novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘Entrevista’

Sócio do Chiclete, Rey Gramacho fala sobre a saída de Bell Marques da banda

O ex-baterista e sócio do Chiclete com Banana, Rey Gramacho, falou nesta terça-feira (10), sobre a saída de Bell Marques da banda. Em entrevista exclusiva ao iBahia, Rey revelou que o cantor já havia manifestado o desejo de deixar o grupo algumas vezes, mas a decisão só teria sido tomada há uma semana.

“Há mais ou menos uma semana ele me disse que queria deixar o grupo e nesta segunda-feira (9), reuniu toda a equipe técnica para anunciar oficialmente e dizer que faria o pronunciamento através das redes sociais nesta terça (9)”.

Segundo Rey, o verdadeiro motivo da saída de Bell do Chiclete só pode ser dito por ele mesmo, mas garante que não houve nenhuma discussão recente no grupo. “Existem muitas histórias sobre brigas de Bell com Wadinho que não são reais. Eles já discutiram algumas vezes sim, mas foram brigas normais de irmãos, que nunca influenciaram na carreira da banda. Os dois são muito tranquilos e se dão muito bem. Nem mesmo o fato das esposas dos dois não se darem muito bem, nunca influenciou em nada”, garantiu. O músico acredita que o cansaço tenha mesmo motivado o cantor a deixar a banda. “Como ele mesmo falou no vídeo, foram 31 anos de carreira, muitas viagens, shows, é natural que ele fique cansado e queira seguir um caminho diferente”, disse.

Para o futuro da banda, Rey garante que nenhuma decisão foi tomada. “A ficha já caiu mas nada foi decidido ainda. Por enquanto continuamos com a mesma programação. O DVD vai ser lançado no final do ano, Bell vai cumprir com toda a agenda de shows e fazer o seu último carnaval no Chiclete em 2014. A saída dele só se torna oficial no dia 4 de março”, explicou.

:: LEIA MAIS »

“Estou tão apaixonada, casamento virou uma delícia”, diz Daniela Mercury

Daniela Mercury não se cansa de falar do seu amor pela jornalista Malu Verçosa , com quem se casou em abril deste ano. Em entrevista ao programa “Gabi Quase Proibida”, que será exibido na próxima quarta-feira (28), às 0h, no SBT, a cantora revelou que está adorando a fase de casada: “Estou tão apaixonada, casamento virou uma delícia”.

Na conversa com a jornalista Marília Gabriela , Daniela falou ainda sobre sua iniciação sexual e de sua bissexualidade. Ela contou que se relaciona sexualmente de forma livre. “Para mim, a sexualidade é uma coisa natural. Nunca me senti proibida de me relacionar com homens ou mulheres”, explicou Daniela.

“Tive poucas relações com mulheres. Nunca neguei estar com mulheres, mas realmente as minhas relações mais longas haviam sido com homens”, prosseguiu Daniela, que tem reservas sobre a ideia de que ela saiu do armário. “Não gosto da palavra assumir. Eu comuniquei a minha relação”.

:: LEIA MAIS »

Festival de Inverno: ‘Vou fazer um som mais respirado, com textos’, diz Saulo

Natural da cidade de Barreiras, distante 850 Km de Salvador, o cantor Saulo é a única atração baiana do Festival de Inverno, que será realizado em Vitória da Conquista entre os dias 23 e 25 de agosto.

O artista se apresenta na sexta-feira (23), primeiro dia do evento musical. Ao lado de Humberto Gessinger e Paula Fernandes, Saulo compõe a grade da noite de abertura da festa, que marca também a estreia do cantor no evento.

No repertório, músicas do novo DVD, que ainda será lançado este ano. Vocalista da banda EVA por onze anos, Saulo leva para Vitória da Conquista um show que promete misturar ritmos, poesia e percussão.

“Minha música é de alcance popular, meu sonho é a poesia ser também algo que faça parte do dia a dia das pessoas”, revela o cantor ao G1.

Confira entrevista na íntegra:

G1 – Como você encara o fato de ser a única atração baiana do Festival de Inverno Bahia em 2013?
Saulo – Responsa! Vou tentar fazer jus!

G1 – Nesta edição do FIB 2013, três atrações são do estilo sertanejo. Você acredita que a música baiana tem perdido espaço para a música sertaneja no cenário nacional e local?
Saulo – Sinceramente não acho. Para mim, o tipo de público de hoje tem o gosto mais abrangente. É o momento dos caras também, deixe eles!

:: LEIA MAIS »

‘Não quero muita nostalgia’, diz Saulo sobre último carnaval no Eva

Em entrevista à TV Bahia nesta sexta-feira (1º), o cantor Saulo Fernandes, do Eva, comentou sobre os preparativos para o carnaval 2013 e sobre sua despedida do grupo como vocalista.

“Esse carnaval vai ser praticamente igual a todos, tirando essa coisa de despedida. Não quero muita nostalgia, sabe?”.

A colonização no Brasil vai ser o tema do banda durante o desfile deste ano, que acontece nos dois principais circuitos de Salvador no domingo, na segunda e na terça-feira de carnaval.

Saulo contou que pretende convidar amigos para cantar durante a festa. “Vai ser lindo. Vou convidar meus amigos de sempre. Zé Onório, Buck Jones, Robson Moraes.Vou ligar para Short para ela ir cantar comigo. Quero que Silvano Salles cante na terça-feira”, revelou. O artista ainda falou sobre o repertório e figurino escolhidos para este ano.
G1-CARNAVAL

Pablo conta como criou o “arrocha”

Um dos precursores do ritmo arrocha na Bahia, Pablo foi eleito o queridinho do público e dos artistas. Com doze anos de carreira, 9 CDs e 3 DVDs gravados, o cantor conquista, a cada dia que passa um número maior de fãs.

Com uma média de 30 shows por mês, “a voz romântica” já emplacou nas rádios da Bahia hits de sucessos que estão fazendo a cabeça do Brasil.

Ele é um jovem carismático que, aos 26 anos, decidiu desde cedo o que queria para sua vida: cantar. Obstinado, Pablo aproveita a fama com simplicidade e a maturidade de alguém que já conheceu o lado ruim da vida e hoje experimenta o sucesso como resultado do seu trabalho. Modesto, ele atribui sucesso com o público as canções que falam de amor. Confira a entrevista.

Tribuna da Bahia – Você saiu de casa com 11 anos de idade porque não queria ser vendedor de picolé o resto da vida. Quando a música passou a fazer parte da sua vida?
Pablo – O envolvimento com a música a gente herdou da família. Eu acompanhava sempre meu pai, cantando com ele nas serestas e nos barzinhos. Eu sempre fui muito determinado e sempre tive orgulho do que fazia, mas, dentro de mim eu sentia que um dia a música iria trazer melhorias e alegrias para mim e para a toda minha família.

:: LEIA MAIS »

Cinquentinhas: “Municipio foi omisso, tem má vontade e está entravando,diz Promotora

Baianão 2012: Time do Bahia chega sábado à tarde em Vitória da Conquista

Por Diêgo Gomes

Após golear o Remo por 4 x 0 pela Copa do Brasil, os jogadores que atuaram pelo time do Bahia descansam nesta sexta-feira, enquanto que reservas treinam no Fazendão as 10h da manhã.

Já no sábado, também às 10h, o técnico Paulo Roberto Falcão realiza um treino tático.

Logo em seguida, após o almoço, ou seja, às 14h, os relacionados para a primeira partida das semifinais contra o Vitória da Conquista embarcam para a “capital do Sudoeste”.

Após o pouso, os atletas seguem direto para o hotel, onde permanecem concentrados até as 14h30 quando seguem para o estádio Lomanto Júnior. A partida será as 16h com TRANSMISSÃO LANCE A LANCE ao vivo pelo TRIBUNA A CONQUISTA.

“O Bahia sempre será favorito”, afirma presidente do Vitória da Conquista sobre semifinal

Depois de conquistar a vaga no G-4 na última rodada da fase de classificação, o Bode faz questão de deixar o favoritismo na semifinal do Baiano nas mãos do rival.

Para o presidente do Vitória da Conquista, Ederlane Amorim, é o Bahia – líder isolado da competição e com mais estrutura que o time do sudoeste – quem carrega o peso de ser o mais cobrado pelos bons resultados.

“O Bahia aqui sempre será favorito. Pelo elenco, orçamento, camisa, torcida, enfim… Um jogador do Bahia paga toda nossa folha. Mas dentro de campo isso fica pra trás”, explicau o dirigente do Conquista, enumerando vantagens do adversário para o jogo de domingo (22), às 16h, no estádio Lomanto Júnior.

:: LEIA MAIS »

Prefiro perder jogando bonito que ganhar jogando feio, diz Falcão

O melhor ataque do Brasil no ano é do Bahia, dirigido por Paulo Roberto Falcão, 58.

Desde que chegou para substituir Joel Santana, levado ao Flamengo no início de fevereiro, o volante da inesquecível seleção da Copa-1982 e comentarista da TV Globo por 17 anos (quase o mesmo período em que fez análise) diz tentar implantar conceitos do Barcelona na equipe, que não ganha o Estadual há 11 temporadas –agora, tem nove pontos a mais que o Vitória, segundo.

Em 14 jogos, foram 51 gols (média de 3,6 por partida). E a torcida já brinca que o ex-corintiano Souza está acima de Lionel Messi, pois tem média de tentos superior à do argentino em 2012 (1,5 x 1,25).

:: LEIA MAIS »

Minotouro quer nocautear Tito Ortiz e depois enfrentar Shogun

Daqui a sete dias o UFC promove uma edição especial para os brasileiros. Lyoto Machida será o desafiante ao cinturão dos meio-pesados e os irmãos Nogueira, Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro lutarão na mesma noite pela primeira vez no UFC. Minotouro vem de 2 derrotas e enfrentará Tito Ortiz ameaçado de demissão em caso de mais um revés.

Tito também está ameaçado. Dana White já deixou bem claro a intenção de aposentá-lo. Em caso de uma nova derrota com uma má apresentação esse deverá ser o destino do veterano do UFC. Segue entrevista exclusiva para este blog onde Minotouro fala sobre sua próxima luta e seu futuro na maior organização de MMA do mundo.

:: LEIA MAIS »

Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro levam Mário Kertez à lona

Dois gigantes do UFC (Ultimate Fighting Championship) marcaram presença no Jornal da Cidade II Edição, da Rádio Metrópole, na noite desta quinta-feira (27).

Os irmãos gêmeos Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro, considerados dois dos melhores representantes das artes marciais brasileiras, contaram a Mário Kertész como começaram no esporte e falaram sobre a estrutura para treinamentos na Bahia.

“Começamos no judô e disputávamos muitos campeonatos no interior, mas tudo sem intenção de ser profissional. Aí meu irmão se aventurou a fazer algumas lutas nos Estados Unidos e eu fui no vácuo. Hoje, moramos no Rio de Janeiro, que é um lugar que tem mais estrutura para treinar. Mas sempre estamos aqui na Bahia, na academia do Luis Dórea”, disse Minotouro.

:: LEIA MAIS »

VAMOS FAZER AS CONTAS…

Por Ubaldino Figueriedo

Faltando oito rodadas para o término do campeonato brasileiro das séries A e B, começam as maquininhas a ter utilidade para os dirigentes que não fizeram um bom planejamento, boas contratações e, além de tudo, encarar o futebol com profissionalismo, e também para os torcedores que sofrem a cada rodada.

Hoje mais uma rodada completa da série B, quando o Vitória terá o jogo mais difícil desta segunda fase, pois, pegará a Portuguesa, em seus domínios, com um bom retrospecto jogando em casa, pois das 15 vezes que atuou no Canindé, venceu 10 jogos, portanto, páreo duro para o rubro negro baiano que vai enfrentar o melhor time da competição, líder, e faltando apenas um ponto para assegurar sua vaga na série A, em 2012.

Para se aproximar do G4, o Vitória terá que vencer o jogo dessa noite, e torcer para que Náutico, Americana, Sport e Boa Esporte sejam derrotados em seus jogos.

:: LEIA MAIS »

Nelson Motta: “Glauber Rocha era um muçulmano com as mulheres”

A sala de Nelson Motta é uma materialização da sua personalidade: um homem que conviveu na intimidade com grandes personagens da cultura brasileira dos últimos 50 anos.

E viveu para contar as histórias dos amigos. Embaixo da bandeira com os dizeres “Seja marginal, seja herói”, criada por Hélio Oiticica, estão retratos deles com famosos como Chacrinha e Tim Maia.

Esta semana, ele lança o livro A primavera do dragão – A juventude Glauber Rocha (Objetiva, 368 páginas, R$56,90), sobre os anos de formação do principal nome do Cinema Novo.

Um livro que ficou 20 anos na gaveta. Em 1989, quando começou a pesquisa, descobriu que o jornalista Zuenir Ventura já preparava uma biografia do diretor de Deus e o Diabo na Terra do Sol. Mas Glauber mandaria um sinal do Além — ou pelo menos foi assim que Nelson entendeu. O carro de Zuenir foi roubado com toda sua pesquisa no porta-malas. “Foi um sinal glauberiano. Com certeza eu não estava pronto para escrever esse livro em 1989”, afirma Nelson.

:: LEIA MAIS »

Bahia vence e complica Atlético-PR, em duelo contra o rebaixamento

Jogando no Estádio de Pituaçu, o Bahia superou o Atlético-PR por 1 a 0, nesta quarta-feira, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o triunfo, o time tricolor chega a 30 pontos e a sua segunda vitória consecutiva, se afastando da zona de rebaixamento. Já os paranaenses estacionam nos 23 pontos e vêm sua situação se complicar.

Após um início pouco agitado, os mandantes tomaram a iniciativa e foram melhores do que a equipe paranaense até o intervalo. No segundo tempo, o duelo passou a ser mais movimentado, com as duas equipes se alternando no ataque, porém o empate sem gols seguia no marcador. Já na parte final do duelo, os mandantes buscavam sair mais para o jogo e, assim, chegaram ao gol da vitória com Júnior.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia