fevereiro 2020
D S T Q Q S S
« jan    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829

:: ‘Bandeira’

Cobrança extra da bandeira tarifária volta a ser suspensa em dezembro

Os consumidores de energia deixarão de ter cobrança extra na conta de luz em dezembro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou nesta sexta-feira (25) que a bandeira tarifária voltará a ser verde no mês que vem. Em novembro, a bandeira ficou na cor amarela, o que implica na cobrança de R$ 1,50 para cada 100 kWh de energia consumidos.

Segundo a Aneel, o que permitiu a volta da bandeira verde foi o aumento das chuvas em algbandeira-tarifariaumas regiões nas últimas semanas e a melhora no armazenamento de água em reservatórios de algumas das principais hidrelétricas do país. Além disso, essa situação permite o desligamento de térmicas mais caras e o acionamento de outras, de custo mais baixo.
:: LEIA MAIS »

Faxineiro que “desenha” bandeira no Senado retira lema “ordem e progresso

BANDEIRAO bocal do aspirador de pó risca o carpete azul por onde pisam, ou deveriam pisar, 81 pares de sapatos lustrosos de segunda à sexta-feira. No Senado Federal, onde os servidores efetivos não ganham menos que R$ 4,8 mil, é um funcionário terceirizado, da área de limpeza, que desenha – há 17 anos, de graça – a bandeira do Brasil que já virou emblema do plenário.

Mas além do tom monocromático que difere totalmente do colorido original, o símbolo nacional delineado por Clodoaldo Silva, de 45 anos, não tem ordem, muito menos progresso. “Só volto a escrever isso quando o Brasil merecer”, diz.

O lema da bandeira brasileira até constava nas primeiras obras de Silva, filho de piauienses, nascido em Brasília. Desenhou a bandeira pela primeira vez em 8 de abril de 1998, a mais inesquecível das quartas-feiras: a Copa do Mundo se avizinhava, o clima ufanista reinava e seu filho Marcos Vinícius nascia. Tudo parecia em plena ordem e progresso. “Hoje, infelizmente, já não é mais assim”, lamenta ele, que aboliu as inscrições positivistas quando o caso do mensalão começou a ser revelado, dez anos atrás. :: LEIA MAIS »

Prefeitura reajusta tarifa de táxi em Vitória da Conquista

Da Redação

taxi-nova-tarifa-597x399A partir do mês de outubro, utilizar o serviço de táxi em Vitória da Conquista ficará mais caro, pois a prefeitura da cidade decidiu reajustar o valor da tarifa cobrada no município.

De acordo com a administração municipal, o quilômetro rodado na bandeira 1 será de R$ 2,70 e na bandeira 2 de R$ 3,00. Por sua vez, o preço da bandeirada, valor fixo inicial de cada corrida, ficará em R$ 4,20 e a hora parada R$ 16,30.

Reajuste – O último reajuste havia acontecido em agosto de 2014, quando o o quilômetro rodado na bandeira 1 passou de R$ 2,20 para R$ 2,45 e na bandeira 2 de R$ 2,55 para R$ 2,90. O valor fixo inicial de cada corrida, alterou de R$ 3,60 para R$ 3,90 e da hora parada de R$13,30 para R$ 14,50.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia