fevereiro 2016
D S T Q Q S S
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829  

:: ‘Greve’

Médicos peritos do INSS anunciam volta ao trabalho a partir do dia 25

INSSDepois de quase 140 dias de greve, os médicos peritos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) decidiram retornar ao trabalho, a partir da próxima segunda-feira (25), segundo a associação nacional da categoria. A entidade informa, no entanto, que será retomado apenas o atendimento àqueles que ainda não se submeteram à perícia médica inicial.

Em nota, a Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP) afirma que a categoria permanecerá em estado de greve, o que significa que será mantido apenas o atendimento essencial, com prioridade para quem vai fazer a primeira perícia para dar entrada a algum tipo de benefício.

“Novas paralisações no futuro não estão descartadas. Esperamos que com essa atitude de distensionamento, o governo saia da trincheira em que se colocou e volte a negociar com a categoria”, afirma o comunicado.
:: LEIA MAIS »

Greve dos petroleiros já afeta distribuição de combustível

abr181013tng9989A greve dos petroleiros já afeta a rotina de comercialização e distribuição de derivados do petróleo (combustível) nas cidades de Eunápolis e Jequié.

A greve dos Petroleiros foi iniciada na quinta-feira (29) por cinco sindicatos que compõem a Federação Nacional dos Petroleiros (FNP). No domingo (1), uniram-se ao movimento os sindicatos filiados à Federação Única dos Petroleiros (FUP), incluindo o da Bacia de Campos.

A categoria, que pede reajuste salarial de 18%, rejeitou a proposta da Petrobras de reajuste de 8,11%. A paralisação também protesta contra o plano de venda de ativos da estatal e busca manter direitos dos trabalhadores, em meio às dificuldades financeiras da estatal. :: LEIA MAIS »

Bancários do Banco do Nordeste terminam greve

Da Redação

bnb

O Banco do Nordeste terminou a greve em toda a Bahia. O banco foi o último a sair da greve, que começou no início deste mês.

A categoria em Vitória da Conquista decidiu terminar a greve em assembleia na manhã desta quinta-feira (29).

Os bancários já retornaram ao trabalho.

Banco do Brasil e Caixa saem da greve; Banco do Nordeste continua

Da Redação

caixa

E assembleia realizada agora há pouco, os bancários do Banco do Brasil e Caixa decidiram encerrar a greve em Vitória da Conquista e região.

Nesta quarta-feira (28), as agências já estão funcionando normalmente. O Banco do Nordeste continua em greve.

Bancos privados
Os bancos privados voltaram ao trabalho nesta terça-feira (27). A categoria conseguiu 10% de reajuste para os salários e 14% para os vales refeição e alimentação.

Bancos privados encerram greve em Vitória da Conquista

Da Redação

bradesco

Os bancos privados encerraram a greve em Vitória da Conquista e região. O fim do movimento foi decidido em assembleia, na noite desta segunda-feira (26), na sede do sindicato dos bancários.

A partir desta terça-feira (27), as agências já estarão abertas. Mas, a Caixa, O Banco do Brasil e o Banco do Nordeste decidiram continuar em greve.

A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) ofereceu reajuste de 10% para os salários e 14% para os vales refeição e alimentação.

Greve continua nesta segunda-feira (26)

unnamedA Fenaban apresentou nesta sexta-feira (23), mais uma proposta à categoria bancária: 10% de reajuste salarial e 14% de reajuste para os vales.

As negociações ainda continuam, e a categoria aguarda a orientação do Comando Nacional dos Bancários sobre a avaliação desta última proposta.

Após as negociações gerais com a Fenaban, ainda acontecerão as mesas específicas com o Banco do Brasil e a Caixa. :: LEIA MAIS »

Greve: Proposta apresentada pela FENABAN não proporciona ganho real.

Release 21.10 manhãA terceira semana de greve está sendo marcada pelo início das negociações da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) com o Comando Nacional dos Bancários.

A reunião iniciou ontem (20), em São Paulo, com a expectativa da categoria de uma nova proposta que atendesse às reivindicações dos bancários.

Após 15 dias de silêncio os bancos ofereceram 7,5% de índice de reajuste e retiraram o abono de 2.500 reais.  As negociações continuam hoje (21), às 11h, em São Paulo. Os bancários pretendem negociar um ganho real, pois a proposta apresentada ontem ainda está abaixo da inflação, acumulada em 9,57% até início da Campanha Salarial. O índice oferecido está rebaixado em relação ao anterior de 5,5% mais o abono. :: LEIA MAIS »

Mobilização dos bancários conquista rodada de negociação com a Fenaban

DSC_0336Na noite da última segunda-feira(19), a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) finalmente entrou em contato com o Comando Nacional dos Bancários para a realização de uma nova rodada de negociação.

A reunião acontecerá hoje (20), ás 16h (horário de Brasília), em São Paulo. Representantes da categoria bancária de todo o Brasil participarão desse encontro  na expectativa de que seja apresentada uma proposta que contemple as pautas de reivindicações.

A Greve Nacional dos Bancários completa hoje 15 dias de paralisações em todo o Brasil. A realização dessa mesa de negociação é reflexo da intensificação que o movimento vem ganhando a cada dia.

Em Vitória da Conquista e região, já são 76 agências com o serviço bancário suspenso. Ontem, na Bahia, foram 1.016 agência paralisadas, sendo 223 em Salvador. Em âmbito nacional são 12.496 agências e 40 centros administrativos estão sem funcionamento nos 26 estados e no Distrito Federal.  :: LEIA MAIS »

Greve dos bancários se mantém forte no 14º dia de paralisação

A Campanha Nacional dos Bancários chegou a sua terceira semana de paralisação. Na base do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região, 76 das 92 agências continuaram com o serviço suspenso nesta segunda-feira (19), sendo que 100% dos bancos públicos estão sem funcionamento. Na Bahia são 1.066 agências com funcionários em greve. Em todo Brasil, 12.496 agências e 40 centros administrativos paralisaram suas atividades.

A tarde, a diretoria do SEEB/VCR se reuniu para analisar a mobilização e programar as próximas ações da greve. O presidente do Sindicato dos Bancários, Paulo Barrocas, afirma que o movimento grevista tende a crescer durante esta semana.”Temos uma boa adesão da categoria. A mobilização foi se intensificando, pois os bancários estão insatisfeitos com a proposta desrespeitosa feita pelos bancos. Esta semana vamos fortalecer as mobilizações com o convencimento dos colegas que ainda não aderiram ao movimento e com o esclarecimento da população, para que a gente possa pressionar os bancos a atender às nossas reivindicações”, compreende.

:: LEIA MAIS »

Após greve, aulas da Ufba retornam nesta segunda

Da Redação

ufba

Depois de mais de 3 meses em greve, os professores da Universidade Federal da Bahia (Ufba) retornam às atividades nesta segunda-feira (19).

Este semestre letivo vai terminar em 30 de novembro. Já o próximo, será entre 11 de janeiro e 20 de maio de 2016.

Os professores pediram reajuste salarial de 27%, enquanto o governo federal ofereceu 21,3% em quatro anos e, em seguida, propôs 10,8% em dois anos – sendo 5,5% em agosto de 2016 e 5% em janeiro de 2017.

Décimo dia de greve dos bancários contou com ação do Outubro Rosa em Conquista

Nesta quinta-feira (15), décimo dia da greve nacional, os bancários promoveram uma ação de prevenção do câncer de mama, como programação do Outubro Rosa na cidade.

A categoria se reuniu na Praça Barão do Rio Branco, onde foram oferecidos serviços gratuitos à população, como aferição de pressão, testes de glicemia e orientações ligadas à prevenção da doença.

O servidor público Antônio Robertson aproveitou a oportunidade e destacou a greve dos bancários como necessária.

“Resolvi fazer o teste de glicemia porque é importante a gente cuidar da saúde, se prevenir do câncer tanto de mama quanto de próstata, no meu caso. Sobre a greve eu acredito que é um direito dos bancários, pois os banqueiros estão enriquecendo e o trabalhador ficando cada vez mais pobre. Sou funcionário público e também faço greve quando é preciso”, afirma.

:: LEIA MAIS »

Professores da Ufba decidem nesta quarta se encerram greve

Uma assembleia nesta quarta-feira, 14, às 14h, no auditório da Facudade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia (Ufba), vai decidir se os professores da Ufba vão seguir a decisão nacional da categoria e encerrar a greve que já dura 139 dias, a mais longa já registrada.

Nacionalmente, os professores das universidades federais encerraram a greve nesta terça-feira, 13, mesmo sem concordar com a proposta de reajuste salarial do Ministério da Educação. “Todas as que continuam em greve devem encerrar a paralisação até o final da semana”, afirma Claudia Miranda, presidente da Associação dos Professores Universitários da Bahia (Apub).

O Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino (Andes) disse que ainda haverá protestos por aumento dos salários. A entidade recusou a última proposta do governo federal, de 5,6% de reajuste em agosto do ano que vem. Os grevistas começaram a paralisação pedindo 27%.

:: LEIA MAIS »

Greve dos Bancários completa uma semana

Nesta terça-feira (13), a Greve Nacional dos Bancários entra na segunda semana paralisação. Na base do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região (SEEB/VCR) a paralisação se mantém forte e 76 agências estão sem o serviço bancário.

Em Itapetinga, por exemplo, os bancários estão marcando presença nas portas dos bancos enquanto aguardam que a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresente uma proposta que atenda as necessidades da categoria.

“A adesão está sendo em massa. Os bancários estão fortalecendo a mobilização nas portas das agências, que continuam paralisadas. A base está aguardando que os banqueiros apresentem uma proposta de negociação. Enquanto isso não acontece, permaneceremos forte na greve”, afirma Américo Carregosa, diretor Regional da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe.

:: LEIA MAIS »

Professores das federais aprovam fim da greve entre 13 e 16 de outubro

educacaoOs professores em greve das Instituições Federais de Ensino (IFE) aprovaram a saída unificada da greve nacional entre 13 e 16 de outubro, segundo comunicado divulgado hoje (9) pelo Comando Nacional de Greve (CNG) do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN). Os professores estão em greve desde o dia 28 de maio.

Segundo o sindicato, a greve, que já ultrapassou os 131 dias, é a mais longa da história das instituições. A decisão pelo fim da greve foi aprovada por ampla maioria dos professores durante as assembleias nas bases entre 6 e 8 de outubro. De acordo com balanço da entidade, a paralisação atingia a 33 instituições federais, entre universidades e institutos federais.
:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia