dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: ‘horário de verão’

Eleições mudam o início do horário de verão

horario_de_veraoAs eleições vão causar mudanças até no cronograma do horário de verão. Tradicionalmente, o início é a partir da meia-noite do terceiro domingo de outubro, mas neste ano foi adiado para dia 4 de novembro – primeiro domingo após o segundo turno. Com 15 dias a menos, o novo horário durará cerca de três meses, até o dia 6 de fevereiro de 2019.

No entanto, é possível que essa data ainda sofra modificações. O Ministério da Educação (MEC) solicitou ao presidente Michel Temer o adiamento do início do horário de verão em razão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A avaliação do MEC é que a alteração no horário poderia gerar confusão, fazendo com que candidatos possam perder o exame devido à alteração no horário. :: LEIA MAIS »

Bancos, Correios e TV têm mudanças durante horário de verão; veja

relogioEmbora não tenha aderido ao horário de verão pelo quinto ano consecutivo, a Bahia terá algumas mudanças nos horários de funcionamento de alguns serviços entre 16 de outubro deste ano e 19 de fevereiro de 2017. Confira as alterações:

Bancos
As agências bancárias do interior do estado terão os horários de abertura e fechamento antecipados em uma hora. Já em Salvador e na região metropolitana não haverá mudanças nos horários de atendimento. Estão na região metropolitana os seguintes municípios: Candeias, Camaçari, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Mata de São João, São Francisco do Conde, Simões Filho, Vera Cruz; Pojuca e São Sebastião do Passé.

Correios
Segundo a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios), o horário de funcionamento das agências em todo o estado não será alterado. Em Salvador e Feira de Santana, entretanto, o horário limite de postagem para os objetos seguirem no mesmo dia sofrerá alterações. :: LEIA MAIS »

Bahia não adere Horário de Verão, mas alguns serviços mudam

horario-de-verao-adiante-seu-relogio-1h

Começa à meia-noite do próximo domingo (18) o Horário Brasileiro de Verão.  A Bahia não adere ao Horário de Verão desde 2011.

Ainda assim, alguns serviços mudam em função das alterações em outras regiões do país, a exemplo de serviços bancários e voos comerciais.

Terão que adiantar os relógios em uma hora os milhões de habitantes  de 10 estados brasileiros, além do Distrito Federal são eles: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul. :: LEIA MAIS »

Decisão de não aderir ao horário de verão gera polêmica entre baianos

horario_de_veraoO horário de verão começa em 18 de outubro, e pelo quarto ano seguido, a Bahia não vai aderir ao horário, criado no país pra reduzir o consumo de energia elétrica. A decisão gerou polêmica.

Em 2011, última vez que o estado aderiu ao horário de verão, a Bahia economizou 11 megawatts de energia, o que equivale a 0,5% do consumo geral do estado. Essa quantidade de energia que foi economizada, por exemplo, corresponde ao que a cidade de Paulo Afonso consumiu no último mês de setembro, segundo a Coelba.

Apesar do reservatório da hidrelétrica de Pedra do Cavalo, localizada a 120 quilômetros de Salvador, estar com 72% da capacidade, a situação é crítica na outra hidrelétrica do estado, a de Sobradinho. O reservatório, que recebe água do Rio São Francisco, está com apenas 8,3% da capacidade. :: LEIA MAIS »

Governo descarta adotar o horário de verão na Bahia

horario de verãoMais uma vez a alegação dos empresários baianos de que é bom para a economia local manter-se em sintonia com o principal centro financeiro do país (São Paulo) não deve mobilizar o governo do estado, que vai mesmo manter a Bahia fora do horário de verão.

A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação do governador Rui Costa, que enfrenta, pela primeira vez, a pressão das entidades empresariais em relação à questão.

Ainda assim, o Fórum Empresarial da Bahia, juntamente com as federações da Indústria e Comércio, tentam reverter a decisão, antes do dia 18 de outubro, quando os ponteiros dos relógios nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste devem ser adiantados em uma hora.

O presidente do Fórum Empresarial, Victor Ventin, já teria até entregue ao governador e aos secretários de Turismo, Nelson Pelegrino, e de Desenvolvimento Econômico, Jorge Hereda, uma exposição com 19 razões que sustentariam o pleito do setor produtivo baiano.

A resposta do estado, entretanto, foi enfática: “O governo entende como legítima a cobrança das classes empresariais, assim como das classes trabalhadoras que, por meio dos sindicatos, manifestaram-se, por outro lado, contra a adoção do horário de verão”, diz o secretário de Comunicação do estado, André Curvelo.

Impasse
Segundo ele, diante do impasse, o governo optou por acatar a decisão da maioria da população que rejeita o horário especial criado para economizar energia. A medida baseia-se em “pesquisas internas” que teriam apontado que 72% da população é contra a adoção do horário de verão no estado. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia