agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘hospital’

Sobrevivente da Chapecoense, Alan Ruschel é 1º a deixar hospital em SC

Foto: Marcelo Siqueira/RBS TV

Foto: Marcelo Siqueira/RBS TV

O lateral Alan Ruschel recebeu alta na tarde desta sexta-feira (16) em Chapecó. Ele é o primeiro dos quatro sobreviventes brasileiros a ter alta, 17 dias após o acidente aéreo com o avião da Chapecoense, que deixou 71 mortos e seis feridos.

Eram 16h20 quando Alan saiu de cadeiras de rodas. Ele se levantou para entrar no carro. Ele acenou para amigos e fãs e abraçou familiares e amigos, entre eles o jogador Yoran, da Chapecoense, que não viajou com o time para a Colômbia porque estava machucado.

Pelo boletim médico, emitido pelo hospital Unimed de Chapecó nesta sexta, Alan “apresenta força e sensibilidades normais nos membros inferiores, caminhando durante os exercícios de fisioterapia”.
:: LEIA MAIS »

Médico é encaminhado a delegacia após confusão em hospital de Ilhéus

hospital-ilheusUm médico plantonista do Hospital Geral Luís Viana Filho (Regional de Ilhéus), na região sul da Bahia, foi encaminhado pela Polícia Militar à delegacia da cidade após suspender o atendimento na emergência durante confusão envolvendo o atendimento a uma paciente na emergência da unidade de saúde, no final da noite de sábado (12).
De acordo com o delegado Fábio Simões, que registrou o caso, o clínico prestou depoimento e foi liberado. Os atendimentos de emergência foram suspensos na noite de sábado e durante toda a madrugada de domingo (13) após o ocorrido, e só foram retomados durante a manhã.

Simões detalha que a confusão começou depois que o médico se mostrou incomodado pelos gritos de uma paciente adolescente, que tem hidrocefalia e paralisia nos membros, e estava acompanhada dos pais do lado de fora do consultório, aguardando atendimento. Conforme o registro policial, a garota gritava e o barulho estaria atrapalhando a atividade do médico, que atendia um casal dentro do consultório.
:: LEIA MAIS »

Bebê de um ano morre em hospital de Ilhéus após receber remédio na veia

menina ilheusUma menina de um ano e nove meses que foi levada com diarréia ao Hospital de Ilhéus, no sul da Bahia, morreu após receber uma injeção de com remédio contra vômito. Dandara dos Santos de Paulo era filha única do casal Driele Chaves e Mário de Paulo, e faria dois anos em maio. De acordo com os pais, a menina foi internada no sábado (27) e morreu no domingo (28).

O hospital não se posicionou sobre o caso. O diretor da unidade disse que vai esperar ser acionado pela justiça para dar esclarecimentos sobre o caso de Dandara.

A mãe da criança disse que após os sintomas de diarréia, preparou cuidados caseiros para a filha, mas ela não apresentou melhoras. Então ela resolveu levar a menina ao hospital, onde foram ministrados remédios e em seguida, a criança foi liberada. Contudo, cerca de quatro dias depois, os sintomas continuavam, e a mãe voltou com a criança para o hospital.
:: LEIA MAIS »

Homem é preso acusado de aplicar golpe em pacientes no Hospital São Vicente

Da Redação

sao vicente

Um homem foi preso na manhã desta segunda-feira (19), no Hospital São Vicente, acusado de extorquir dinheiro de familiares ou pacientes que precisam de tratamento médico ou cirurgia.

De acordo com a polícia, José Cosme Gusmão Muniz exigiu dinheiro de uma vítima, prometendo em troca adiantar um procedimento cirúrgico que ela precisava realizar. A vítima sacou o dinheiro para entregar ao acusado e só depois de perguntar por ele na recepção do hospital, descobriu que não era funcionário do local e que caiu em um golpe.

O acusado foi levado para o Disep. Com ele, foram encontradas seis identidades de pessoas que caíram no golpe, R$ 592 em dinheiro e 1 mil reais em um cheque que teria recebido de outra vítima.

Hospital divulga boletim do policial Rudson Souza

hudsonO Hospital SAMUR divulgou hoje mais um boletim médico do policial militar Rudson Souza.

Do dia 02/07 até hoje (06) Rudson responde à perguntas dos médicos e familiares com sinais. O militar demonstrou movimentos na mão direita, mexeu as duas pernas e balançou a cabeça em gesto positivo e negativo.

No dia 03, Rudson realizou uma cirurgia de traqueostomia, e hoje, pela primeira vez desde o acidente, ele passou a respirar sem ajuda de nenhum aparelho.

Os médicos retiraram os sedativos e analisam diminuir os remédios para deixar Rudson cada vez mais consciente.
:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia