agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘Marcelo Melo’

Arlindo e Marcelo querem ser cabeça de chapa. Negativa de vice dificulta aliança PSDB/DEM

Da Redação

arlindo-e-marceloAs conversas na pré-campanha em Conquista entre Sociais Democratas e Democratas são apenas iniciais, mas uma coisa PSDB e DEM não abrem mão nas eleições 2016: ser cabeça de chapa numa provável aliança.

Por conta disso, o diálogo entre o vereador e pré-candidato a prefeito Arlindo Rebouças (PSDB) e Marcelo Melo (DEM) não consegue avançar para um denominar comum.

O tucano já afirmou que não seria mais candidato a vereança e tentaria chegar a prefeitura em 2016 ou uma candidatura a deputado em 2018. Já o demista vê 2016 com uma escada para tentar se viabilizar ao cargo de deputado estadual em 2018.

Assim, a decisão sobre quem seria candidato a prefeito e quem seria vice é, hoje, o grande empecilho para Rebouças e Melo oficializar desde já uma aliança, na tentativa de conter o avanço nos apoios da pré-candidatura de Herzem Gusmão (PMDB), que já confirmou PTB, PRB e PSC.

Unidade – Uma chapa PSDB/DEM e outra do PMDB em Vitória da Conquista implodiria o que os caciques estaduais do três partidos vem pregando para as 30 maiores cidades do Estado, que é a união das legendas no intuito de vencer a maior quantidade de municípios possível e obrigaria um realinhamento no plano municipal, regional e estadual, o que pode afetar candidaturas em Itabuna, onde PSDB e DEM pode se enfrentar.

Solidariedade garante apoio a Marcelo Melo, mas diz que sairá sem coligação na proporcional

Da Redação

Em nota encaminhada ao Tribuna da Conquista, o presidente do Solidariedade em Vitória da Conquista, Capitão Lima, “ratifica seu apoio a Marcelo Melo, pré-candidato a prefeito do DEM” nas eleições 2016, mas ressalta que o SD “tem chapa de pré-candidatos a vereadores fechada, não vai coligar na proporcional”.

Ainda segundo Lima, que já foi vereador na cidade, o presidente estadual da legenda, Luciano Araújo diz que “o ambiente é de entusiasmo e a expectativa é de crescimento na representatividade do partido no parlamento Conquistense”, sendo que o SD tem hoje 33 pré-candidatos a vereador.

Entenda o caso – No último domingo, o Tribuna da Conquista destacou a possibilidade de coligação na majoritária e na proporcional entre os partidos DEM, SD e PEN, o que poderia eleger entre três a quatro vereadores nas eleições 2016.

Todavia, caso não se unam e saiam sozinhos sem coligação, o DEM poderá eleger um vereador e o SD e PEN poderão não eleger nenhum dos postulantes ao legislativo conquistense.

Coligação entre DEM, SD e PEN fortalece Marcelo Melo e os vereadores Álvaro Pithon e Lúcia Rocha

Da Redação

alvaro lucia e marceloA pré-campanha para os cargos de prefeito e vereador vem movimentando a política conquistense para as eleições.

Marcelo Melo, pré-candidato a prefeito de Vitória da Conquista pelo DEM, busca consolidar apoios para se manter no páreo e chegar até 05 de agosto, data final para as convenções partidárias para a escolha dos candidatos no pleito de 2016.

Em caso de confirmar uma coligação na majoritária – para prefeito – e na proporcional – para vereador – com o Solidariedade e o PEN, o DEM, fortalece a manutenção da candidatura de Melo e também dos vereadores Álvaro Pithon e Lúcia Rocha, que tentarão a reeleição, e estavam juntos no Ceasa no último sábado visitando os comerciantes e consumidores (foto).

Juntos, os três partidos poderiam eleger entre três a quatro vereadores, o que poderá animar os pré-candidatos que não tem mandato. Sozinhos, Solidariedade e PEN, podem, no máximo, chegar a um eleito.

Unidade – Os pré-candidatos a prefeito da oposição, pelo menos no discurso, pregam a unidade para as eleições 2016. Todavia, só o tempo dirá se essa unidade, já no primeiro turno, vai se confirmar não.

Eleições OAB: Corália Thalita, Adriana Ferraz, Reinaldo Ribeiro e Alexandre Filadelfo manifestam apoio à pré-candidatura de Marcelo Nova

Por Juliana Silva

IMG_2357A pré-candidatura de Marcelo Nova à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Vitória da Conquista, recebeu mais um forte apoio.

Corália Thalita, Adriana Ferraz, Reinaldo Ribeiro e Alexandre Filadelfo, advogados com forte atuação na cidade, declaram publicamente que consideram Marcelo Nova o representante capaz e íntegro para exercer a presidência da OAB.

De acordo com a nota divulgada pelo grupo, Marcelo Nova é um advogado que detém as características para implementar a união da classe. “Esse é um requisito necessário para que a OAB de Vitória da Conquista continue na defesa de nossas prerrogativas, o que é fundamental para o exercício da profissão”, afirma a nota de apoio.

:: LEIA MAIS »

Manifestação marca o domingo em Conquista

Da Redação

manifestação contra dilma em Vitória da Conquista

Aproximadamente 1.500, segundo a Polícia Militar, realizaram uma manifestação em Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia. pró Impeachment, contra a corrupção e pelo fim do Governo Dilma.

Os manifestantes se concentraram pela praça da Escola Normal (Praça Guadalajara), seguiram pelas Avenidas Siqueira Campos, Vivaldo Mendes, Rosa Cruz e finalizaram o ato na Avenida Olívia Flores, minutos depois de cantarem o Hino Nacional.

Políticos de oposição como o deputado estadual Herzem Gusmão (PMDB), os vereadores Arlindo Rebouças (PROS), Bibia (PSDB) e Hermínio Oliveira (SD) além do pré-candidato a prefeito, Marcelo Melo (DEM) também acompanharam o movimento.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia