Editorias
Busca por data
julho 2014
D S T Q Q S S
« jun    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Arquivos

Com a tag ‘Mortugaba’

Vigilância Sanitária de Mortugaba irá intensificar fiscalização de abate clandestino

O Departamento de Vigilância Sanitária de Mortugaba, após receber denuncias de abate clandestino na cidade irá intensificar a fiscalização no município. Segundo o departamento a partir de segunda feira irá tomar medidas drásticas para coibir a prática.

“Medidas para melhorar a qualidade do Matadouro municipal no que se refere a higiene e melhores condições de trabalho pra quem dele faz uso. Ocorre que a Vigilância Sanitária está recebendo várias denuncias de abates clandestinos na animais.

•| Leia a matéria completa »

Alunos preparam trabalho para conscientização sobre importância do Rio Gavião

Alunos do Colégio Luiz Eduardo em Mortugaba estão a todo vapor em um projeto que deve mobilizar a sociedade local e chamar a atenção de autoridades sobre a necessidade da recuperação e preservação do Rio Gavião em toda a sua extensão.

O rio nasce entre as cidades de Mortugaba e Jacarací no “Morro do Chapéu” que divide os dois municípios, mas é mais conhecido por abastecer barragens como a de Anagé e Caraíbas, no entanto próximo a Mortugaba e Jacarací o rio é pouco ou nada aproveitado ou recebe a atenção que deveria.

E é justamente nesse intuito que um grupo de alunos liderados pela professora Ângela David, vem desenvolvendo projetos em sala de aula e criou também uma página em uma rede social, fotos, textos e vídeos estão sendo compartilhados para mostrar a necessidade de recuperação de um rio tão importante como o gavião.

Conheça a página do projeto no facebook. Clique aqui-https://www.facebook.com/pages/Salve-o-Rio-Gavi%C3%A3o-EU-APOIO/414144152016883

Por Max Dayan Barbosa – Jornalista do www.divulgamaisfacil.com.br

Mortugaba: Muita emoção em reencontro de família mortugabense

MORTUGABA: “DE VOLTA AO CANGAÇO” TERÁ CENAS ELETRIZANTES DE PERSEGUIÇÃO

Por Max Dayan Barbosa*

Estão a todo vapor as gravações do novo filme do mortugabense Paulo Sérgio Nogueira, as primeiras cenas com qualidade de imagem e cuidado nos detalhes em relação ao roteiro já fazem desse novo filme um marco no cinema do estado da Bahia.

O longa ambientado na caatinga leva para o passado e futuro, cangaceiros, jagunços e boas doses de ação eletrizantes e humor que irão agradar o público, algumas cenas serão rodadas em Vitória da conquista. De volta ao Cangaço deve estrear em Dezembro e tem parceria com a Fundação de Pedro Calmon de Salvador e Mortugaba Filmes.

*Jornalista responsável pelo site divulgamaisfácil

Mortugaba: Sem origem certa prestes a completar 50 anos

Por Max Dayan Barbosa*


Com a permissão do trocadinho que inevitavelmente o nome da cidade de Mortugaba permite (Mortu – gaba), ressuscitamos uma questão. Que o nome de Mortugaba é de origem indígena tupi e significa morada do povo todo mundo já sabe, ensina nas escolas e ninguém discute o assunto, mas afinal quem deu o nome de Mortugaba a cidade? E porque um nome indígena? Como se fez para chegar até esse nome?

A resposta é ninguém sabe, ou pelo menos não está claro isso prestes a Mortugaba completar 50 anos no dia 30 desse mês de novembro. A pesar de se achar que foi José Patrício Guerra, famoso poeta e farmacêutico mortugabense, no livro “Mortugaba história e Poesia” de sua filha Zoraide Guerra David, narra apenas que foi ele quem pesquisou a origem do nome no Instituto Histórico e Geográfico, mas não afirma ter sido ele o autor e nem o motivo pelo qual a cidade o recebeu. Por telefone Zoraide Guerra David confirmou que não foi o seu pai José Patrício Guerra o autor do nome.

* Jornalista responsável pelo site www.divulgamaisfacil.com.br

Globo Repórter destaca alimentação de escolas em Mortugaba

Repórter Diêgo Gomes
Às 23:35

O Globo Repóter desta sexta-feira destacou como a mudança de hábito nos moradores de Condeúba e Mortugaba estão melhorando a vida da população carente, principalmente para os estudantes que hoje se alimentam de hortaliças produzidas na própria região.

Anteriormente, era preciso esperar que às hortaliças compradas em Belo Horizonte chegasse aos municípios do Sudoeste, inclusive muitas já sem condições para o consumo. Uma viagem que durava dois dias.

O trabalho foi desenvolvido por um grupo de profissionais do interior de São Paulo – alguns nasceram na região Sudoeste -  que buscaram acabar com o isolamento tecnológico das cidades no Vale do Rio Gavião. Após ensinar os moradores e produtores rurais da região técnicas de plantação, hortas foram feitas em multirão e a realidade do local mudou. E para melhor.

Leia a seguir a matéria reproduzida na íntegra pelo Globo Repórter.

•| Leia a matéria completa »

Tim chega a mais cidades do sudoeste

Repórter Diêgo Gomes
Às 18:20

A empresa de telefonia celular, TIM, anunciou que o sinal da operadora vai chegar ainda em junho a mais 27 municípios na Bahia, entre eles Condeúba, Ibicoara e Mortugaba no Sudoeste do estado. Assim, a TIM passa a atuar em 147 municípios baianos e será a primeira operadora dessas cidades, cobrindo 82,6% da população urbana no Estado.

Os outros municípios a receber os serviços são: Abaíra, Andorinha, Barra do Mendes, Biritinga, Brotas de Macaúbas, Canudos, Cipó, Cocos, Coribe, Glória, Ibititá, Igaporã, Ipupiara, Itaeté, Itiruçu, Licínio de Almeida, Mascote, Mulungu do Morro, Piatã, Pindaí, Pindobaçu, Rio do Pires, Saubara e Serra Dourada.

Mortugaba e Condeúba são destaques em Educação Fundamental no País

Foto ilustrativa

Foto ilustrativa

O Ministério da Educação divulgou o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) de todo o Brasil. Na Bahia, dois municípios do sudoeste, Mortugaba e Condeúba, superaram as metas previstas e são os destaques nacionais da avaliação.

A cidade de Mortugaba obteve a nota 4,7, quando é considerado as séries iniciais do ensino fundamental. A nota anterior havia sido de 4,3. Já para os anos finais também do ensino fundamental, a cidade passou de 3,3 para 4,1. O município possui 37 escolas de ensino fundamental e apenas uma creche.

Já em Condeúba, o salto foi mais alto. Passou de 3,8 para 4,7 a nota nas séries iniciais. Com essa média, o município alcançou a meta prevista para 2011. A cidade possui três creches e 52 escolas de ensino fundamental. Em relação aos anos finais, a média passou de 3,5 para 4,0. Essa nova nota também era meta para 2011.
Da redação

Recado do Blog
Parceiros
customisable counter