dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: ‘postos de trabalho’

Bahia totalizou saldo negativo de 16.272 postos de trabalho em dezembro de 2016

emprego-com-carteira-assinadaAs informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), sistematizadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), referentes ao mês de dezembro de 2016, apontam que a Bahia totalizou um saldo negativo de 16.272 postos de trabalho com carteira assinada.

O resultado expressa a diferença entre o total de 35.530 admissões e 51.802 desligamentos.

O saldo de dezembro situou-se em um patamar superior ao contabilizado em igual mês do ano anterior (-18.968 postos), mas manteve o resultado negativo já exibido nos outros meses de dezembro da série histórica (2006-2016). O saldo negativo de 67.291 postos de trabalho celetista do ano de 2016 revela a diferença entre o total de 580.820 admissões e 648.111 desligamentos, com ajustes das declarações fora do prazo.

Setorialmente, em dezembro de 2016, na Bahia, oito segmentos registraram saldo negativo: Construção Civil (-6.126 postos), Serviços (-4.000 postos), Agropecuária (-2.573 empregos celetistas), Indústria de Transformação (-1.973 postos de trabalho), Comércio (-583 postos), Serviços Industriais de Utilidade Pública (-467 postos), Administração Pública (-420 postos) e Extrativa Mineral (-130 postos).

:: LEIA MAIS »

Bahia registra saldo negativo de 7.285 postos de trabalho em julho de 2016

carteiradetrabalhoAs informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), sistematizadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), apontam que o estado contabilizou um saldo negativo de 7.285 postos de trabalho com carteira assinada em julho de 2016. O resultado expressa a diferença entre o total de 45.979 admissões e 53.264 desligamentos. O saldo registrado em julho situou-se em um patamar superior ao contabilizado em igual mês do ano anterior (-8.207 postos), e superior ao do mês de junho de 2016 (-8.777 postos), incluindo as declarações fora do prazo.

Setorialmente, seis segmentos exibiram saldos negativos na Bahia em julho: Serviços (-4.603 postos), Construção Civil (-1.832 postos), Comércio (-1.522 postos), Agropecuária (-259 postos), Extrativa Mineral (-165 postos) e Serviços Industriais de Utilidade Pública (-108 postos). Em contrapartida, dois setores absorveram trabalhadores celetistas: Indústria de Transformação (+1.163 postos) e Administração Pública (+41 postos). :: LEIA MAIS »

Bahia tem saldo negativo de 7.976 postos de trabalho em junho de 2016

17466479As informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), sistematizadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), apontam que o estado contabilizou um saldo negativo de 7.976 postos de trabalho com carteira assinada em junho de 2016.

Tal resultado expressa a diferença entre o total de 43.332 admissões e 51.308 desligamentos. O saldo registrado em junho situou-se em um patamar superior ao contabilizado em igual mês do ano anterior (-9.124 postos), e inferior ao do mês de maio de 2016 (-5.614 postos), incluindo as declarações fora do prazo.

Setorialmente, seis segmentos exibiram saldos negativos na Bahia em junho: Serviços (-4.462 postos), Construção Civil (-1.984 postos), Comércio (-823 postos), Indústria de Transformação (-545 postos), Extrativa Mineral (-222 postos) e Serviços Industriais de Utilidade Pública (-75 postos). Em contrapartida, dois setores absorveram trabalhadores celetistas: Agropecuária (+84 postos) e Administração Pública (+51 postos). :: LEIA MAIS »

Bahia fecha 4,36 mil postos de trabalho com carteira assinada em setembro

carteira de trabalhoA Bahia fechou 4.360 postos formais de trabalho (com carteira assinada) no mês de setembro, segundo dados divulgados ontem pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Foi o pior desempenho na região Nordeste, seguido pelo Ceará, onde foram demitidas 1.508 pessoas.

O resultado do Caged, na Bahia, expressa a diferença entre o total de 50.830 admissões e 55.190 desligamentos. O saldo registrado, em setembro, situou-se em um patamar inferior ao contabilizado em igual período do ano anterior (+3.163 postos) e representa o menor resultado da série para os meses de setembro (2005-2015).

No entanto, houve uma redução do ritmo da perda em relação a agosto de 2015 (-6.479 postos). Sete segmentos registraram saldo negativo no último mês. Construção Civil (-1.899 postos), Serviços (-884), Indústria de Transformação (-621), Agropecuária (-611), Serviços Industriais de Utilidade Pública (-317), Administração Pública (-124) e Extrativa Mineral (-24). O setor de Comércio (+120 postos) foi o único com resultado positivo.

:: LEIA MAIS »

Bahia contabilizou saldo negativo de 8.207 postos de trabalho em julho

carteiraAs informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), sistematizadas pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), referentes ao mês de julho de 2015, apontam que a Bahia totalizou um saldo negativo de 8.207 postos de trabalho com carteira assinada. O resultado expressa a diferença entre o total de 54.281 admissões e 62.488 desligamentos. O saldo registrado em julho situou-se em um patamar inferior ao contabilizado em igual período do ano anterior (-125 postos) e representa o menor resultado da série para os meses de julho (2005-2015). Porém, apresenta uma pequena melhora em relação a junho de 2015 (-8.588 postos), incluindo as declarações fora do prazo.
:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia