setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

:: ‘Santander’

Sindicato dos Bancários denuncia Santander/Vitória da Conquista ao MPT após quatro casos confirmados de Covid-19

santanderNesta terça-feira (28), o Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região (SEEB/VCR) denunciou ao Ministério Público do Trabalho o descaso com que a agência Santander/Vitória da Conquista vem tratando a saúde dos seus funcionários e clientes.

A notificação acontece após mais dois trabalhadores apresentarem testagem positiva para a Covid-19 e a unidade continuar funcionando normalmente, sem realizar desinfecção e sem afastar os demais bancários. Este já é o quarto caso de contaminação pelo coronavírus na agência do Santander desde o dia 13 deste mês.

Ainda segundo a apuração do SEEB/VCR, mesmo com o teste positivo os bancários foram colocados em home office, não sendo dispensados das atividades.

:: LEIA MAIS »

Após confirmação de caso de Covid-19, Sindicato atua para cumprimento de medidas de segurança no Santander

Na manhã desta terça-feira (14), a diretoria do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região (SEEB/VCR) esteve na agência Santander/Vitória da Conquista para garantir que a unidade fosse fechada após a confirmação de um caso de Covid-19 entre os funcionários na última segunda (13).

O Sindicato entrou em contato com a Superintendência Regional e com a gerência local solicitando o imediato afastamento dos bancários e medidas de sanitização do ambiente de trabalho. Após a cobrança, ficou definido que a agência permaneceria sem atendimento ao público por dois dias.

Segundo informações, o funcionário contaminado estava trabalhando em home office e não teve contato com a unidade desde o dia 2.

:: LEIA MAIS »

Manifestação contra retirada de direitos no Santander

DSC_0574Hoje (20), em Vitória da Conquista, está sendo realizada uma mobilização com a paralisação das atividades na agência do centro e no PAA do Santander contra a retirada de direitos e demissões no banco, que tem sido o primeiro a se adequar aos retrocessos da reforma trabalhista. A atividade faz parte do calendário nacional com paralisação das atividades em todo o país.

Cerca de 200 funcionários demitidos no último período, muitos deles foram desligados após retorno de licença médica. Em Conquista, no início do ano o banco demitiu três funcionárias após retornarem do afastamento. Atualmente, respaldado pela reforma o banco contratou sete funcionários terceirizados para suprir a demanda que deveria ser atendida por bancários. :: LEIA MAIS »

Bancários paralisa o Santander em Vitória da Conquista

Hoje (20), o Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região realizou uma paralisação que retardou em uma hora a abertura da agência do Santander.

Na semana passada, durante a terceira rodada de negociações com o Santander se recusou a avançar na garantia de conquistas, como nas cláusulas sociais, de condições de trabalho e de saúde propostas pelos representantes dos trabalhadores.

Representantes do movimento sindical estiveram reunidos para definir a pauta de reivindicações que foi entregue ao banco Santander. O documento foi levado ao setor de Recursos Humanos do banco, e tratava de questões ligadas a metas abusivas, mais contratações, entre outros pontos.

:: LEIA MAIS »

Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista faz manifestação no Santander

bancários no santanderO SEEB/VCR realizou, na manhã desta quarta-feira (09), uma manifestação contra demissões no Santander de Vitória da Conquista. A abertura da agência foi prorrogada em 30 minutos, e somente às 11h o banco foi aberto ao público.

A diretoria realizou panfletagem e informou a população sobre o descaso do Santander com seus funcionários. Enquanto bancários no Brasil inteiro vivem a Campanha Salarial 2015 em busca de melhores condições de trabalho, o banco demitiu, nesta semana, dois funcionários sem justa causa.

Um dos trabalhadores demitidos estava contratado há mais de 12 anos e já havia sido afastado por doença ocupacional relacionada ao acúmulo de serviço. Este caso traz à tona, mais uma vez, as péssimas condições a que estão submetidos estes bancários, que são vítimas de assédio moral e metas abusivas, impostas aos trabalhadores sob a ameaça de demissão sumária.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia