maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘Seleção Brasileira’

NEYMARDEPENDÊNCIA, OU EQUIPE?

Por Ubaldino Figueiredo

Depois de um período de afastamento, por força de disposições legais, retorno no dia em que a torcida brasileira está em estado de graça, primeiro pela recuperação da seleção brasileira, na disputa das eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia, sob o comando de TITI e, depois pela vitória retumbante, num “sapeca Iaiá” na temida Argentina de Messi & Cia.

Foram cinco jogos, cinco vitórias que fizeram com que a seleção ocupasse a primeira colocação na classificação geral, com 24 pontos ganhos, seguida do Uruguai, com 23 pontos, enquanto que a Argentina ocupa a sexta colocação, abaixo do Chile e Equador, logo os países que não fazem fronteira com o Brasil. Caso se encerrasse, hoje, as eliminatórias “los Hermanos” não iriam nem para a repescagem. Dos cinco jogos realizados pela seleção, sob o comando de TITI, o Neymar participou de quatro, com participação decisiva, marcando gols ou dando assistência para os companheiros marcarem, no entanto, podemos verificar que o time não depende somente dele para construir boas jogadas, fazer gols, envolver os adversários. :: LEIA MAIS »

Salvador vai receber jogo Brasil x Peru em novembro

Da redação

A Arena Fonte Nova será a casa da seleção Brasileira ainda em 2015, em jogo válido pelas Eliminatórias da Copa 2018

Em comunicado divulgado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Salvador sediará a partida entre o Brasil x Peru no mês de novembro, com o dia ainda a ser confirmado.

O último jogo da seleção canarinho na Bahia aconteceu em 2013, quando a equipe venceu a Itália por 4 x 2, em confronto válido pela Copa das Confederações.

Brasil corre sério risco de ficar fora da Copa de 2018

Foto:  Jogadores do Brasil deixam campo após eliminação para Paraguai Foto: Jorge Adorno / ReutersVocê consegue imaginar uma Copa do Mundo sem a Seleção Brasileira ? Difícil, não? Mas é bom começar a pensar nisso, porque não é uma situação tão absurda atualmente. A Copa América mostrou como o Brasil está no mesmo nível (ou abaixo) dos adversários e tem problemas graves, inclusive alguns que dificilmente serão resolvidos nos próximos três anos.

Em primeiro lugar, é preciso valorizar os adversários do Brasil. Citando apenas os times que o Brasil enfrentou, foi perceptível observar como Peru, Venezuela e Paraguai evoluíram. O primeiro especialmente, já que tem um setor ofensivo experiente e poderoso, com Vargas, Lobatón, Pizarro, Guerrero e Farfán. Foi para a semifinal nas últimas duas edições da Copa América e ficou na beira da classificação para a Copa de 2014, em 6º lugar. Não será surpresa ver o Peru na Rússia em 2018.
:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia