maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘tarifa’

Câmara aprova isenção de energia para famílias de baixa renda

coelbaO plenário da Câmara aprovou, nesta noite (10), a gratuidade de energia para famílias de baixa renda com o consumo mensal de até 70 quilowatts-hora (kWh) por mês. A medida foi aprovada por meio de emenda ao texto do projeto de lei que viabiliza a privatização de seis distribuidoras de energia elétrica da Eletrobras na Região Norte.

Atualmente, a tarifa social de energia estabelece descontos ao consumidor de baixa renda cadastrado no valor de 65% no consumo registrado de até 30 kWh/mês; de 40% na faixa de 31 kWh até 100 kWh/mês; e de 10% na faixa de 101 kWh até 220 kWh/mês. A isenção no pagamento, atualmente, atinge apenas índios e quilombolas.

Pequenas centrais

Outra emenda aprovada permite às pequenas centrais hidrelétricas com pelo menos uma unidade geradora (turbina) em funcionamento terem seu prazo de autorização contado a partir da operação comercial dessa unidade, exceto as que tiverem penalidade pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) quanto ao cronograma de implantação.

Após a aprovação da matéria, o presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), questionou a origem dos recursos orçamentários para custear a isenção de pagamento da energia elétrica às famílias de baixa renda. “Eu preciso que alguém me informe qual o impacto no Orçamento do governo. Se alguém deixar de pagar a conta, outra pessoa vai pagar”, perguntou Maia. :: LEIA MAIS »

Consumidor inicia 2017 com bandeira verde na conta de luz

coelbaO ano de 2017 começa com bandeira verde na conta de luz do mês de janeiro. De acordo com o relatório mensal do Operador Nacional do Sistema (ONS), a condição hidrológica favorável determinou o acionamento de usinas térmicas com “Custo Variável Unitário abaixo de R$ 211,28 por megawatt-hora (R$/MWh)”.

“O valor da térmica acionada ficou em 128,65 R$/MWh e possibilitou a manutenção da bandeira verde, sem custo para todos os consumidores de energia elétrica”, diz nota da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). :: LEIA MAIS »

Agersa autoriza reajuste das tarifas de água e esgoto a partir de 6 de junho

embasa-300x250A Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa), por meio da Resolução nº 002 de 2016, publicada no Diário Oficial do Estado deste sábado (30), autoriza a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) a proceder o reajuste anual das tarifas de água e esgoto, nos municípios onde atua, em 9,95%.

O percentual será aplicado de forma linear sobre a estrutura tarifária vigente e passará a vigorar a partir do dia 6 de junho. A Embasa pleiteou uma elevação de 10,97%. A Agersa, no entanto, com base nas grandes perdas físicas e comerciais, a exemplo de acidentes que resultaram em vazamentos e ligações ilegais, expurgou 1,02%. :: LEIA MAIS »

Conta de luz fica mais barata a partir de março

coelbaO governo decidiu ontem (4) desligar as usinas térmicas com custo de geração acima de R$ 420 por megawatt-hora (MWh). A decisão vai permitir que, a partir do mês que vem, seja adotada a bandeira amarela no sistema de bandeiras tarifárias, o que significa acréscimo de R$ 1,5 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos. Atualmente, a bandeira aplicada é a vermelha, patamar 1, com acréscimo de R$ 3 a  cada 100 kWh.

A decisão tomada nesta quarta-feira pelo Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) permite o desligamento de sete usinas térmicas com capacidade de geração de cerca de 2 mil megawatts em geração térmica a partir de março.

Segundo o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, a medida vai permitir uma redução do custo do setor elétrico de R$ 720 milhões por mês em 2016. Ele disse que é possível ser adotada em abril a bandeira verde, na qual não é cobrado nenhum adicional na conta de luz. “Ainda não é prudente anunciar a bandeira verde para abril, mas todos os estudos mostram que essa é uma possibilidade real”, afirmou.

:: LEIA MAIS »

Tarifa do pedágio será reajustado nesta segunda nas BR-324 e BR-116

Da Redação

pedagio

A partir da próxima segunda-feira (07), o valor do pedágio na BR-324 e BR-116 será reajustado, de acordo com a Via Bahia, concessionária que administra as duas rodovias.

Segundo a concessionária, o aumento foi autorizado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Na nota, a empresa informa que os valores levam em consideração a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período, com vista à recomposição tarifária, dentre outros fatores que influenciam diretamente na execução das obras previstas.

Confira abaixo as tabelas com os novos preços do pedágio na BR-116:
:: LEIA MAIS »

Prefeitura reajusta tarifa de táxi em Vitória da Conquista

Da Redação

taxi-nova-tarifa-597x399A partir do mês de outubro, utilizar o serviço de táxi em Vitória da Conquista ficará mais caro, pois a prefeitura da cidade decidiu reajustar o valor da tarifa cobrada no município.

De acordo com a administração municipal, o quilômetro rodado na bandeira 1 será de R$ 2,70 e na bandeira 2 de R$ 3,00. Por sua vez, o preço da bandeirada, valor fixo inicial de cada corrida, ficará em R$ 4,20 e a hora parada R$ 16,30.

Reajuste – O último reajuste havia acontecido em agosto de 2014, quando o o quilômetro rodado na bandeira 1 passou de R$ 2,20 para R$ 2,45 e na bandeira 2 de R$ 2,55 para R$ 2,90. O valor fixo inicial de cada corrida, alterou de R$ 3,60 para R$ 3,90 e da hora parada de R$13,30 para R$ 14,50.

Conquista: Estudantes realizam manifestação contra aumento da passagem de ônibus

Da Redação

MANIFESTAÇÃO DOS ESTUDANTES DE CONQUISTAAproximadamente 200 estudantes realizam na manhã desta segunda-feira (06) uma manifestação contra o aumento do valor da passagem do transporte coletivo urbano, que passou de R$ 2,40 para R$ 2,80 no último dia 1º de julho.

Os estudantes saíram da praça da Escola Normal e já se encontram no Terminal de Ônibus. Além do Sindicato dos Bancários, que cedeu um carro de som, entidades como UJS, UBES e Levante Popular também participam do ato.

Reajuste – Em novembro de 2014 a tarifa do transporte coletivo foi reajustada de R$ 2,10 para R$ 2,40. Agora, sete meses após o aumento anterior, a tarifa vai passar a custar R$2,80. Ou seja, subiu 33% a passagem em apenas 8 meses.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia